terça-feira, 24 de setembro de 2013

Prefeitura de Natal inicia intervenções para construção de túneis e viadutos

A Prefeitura do Natal iniciou nesta semana as intervenções para a execução dos desvios de tráfego que ocorrerão durante as obras de mobilidade urbana no entorno da Arena das Dunas. As obras do Lote II incluem dois viadutos e seis túneis, cujas construções estão previstas para começar no início do mês de outubro. Ao todo, serão investidos cerca de R$ 222 milhões provenientes do governo federal e a conclusão está prevista para maio de 2014.

A execução das obras é de responsabilidade do consórcio entre as construtoras Queiroz Galvão e Ferreira Guedes, sob a fiscalização da Secretaria Municipal de Obras Públicas e Infraestrutura (Semopi).

Para viabilizar os desvios que serão necessários durante a execução das obras, estão sendo realizados serviços que incluem o asfaltamento de ruas, abertura de canteiros, instalação provisória de semáforo e sinalização indicativa, segundo informa o secretário adjunto de Obras Públicas e Infraestrutura, Caio Múcio. Segundo ele, os serviços foram iniciados com o asfaltamento da avenida Francisco Mignone, paralela a Rua Raimundo Chaves e vão contemplar em seguida as ruas Lauro Pinto, Raimundo Chaves e Morais Navarro.Natal terá 5 túneis e 2 viadutos com mobilidade para a Copa, diz prefeito

 “Esses desvios são necessários em função das obras de mobilidade urbana que necessitam de isolamento para dar segurança à população. No local das obras vão estar máquinas pesadas e cerca de 1.200 homens trabalhando em três turnos. Tudo isso dificultaria o fluxo de veículo”, ressalta Caio Múcio.

De acordo com ele, a avenida Prudente de Morais, sentido Centro/Candelária, ficará permanentemente aberta ao fluxo de veículos. “Quem vier de Candelária para o Centro, pela Prudente de Morais, fará o desvio pela rua Francisco Mignone, em direção a BR 101 ou a rua São José”.

Caio Múcio adianta que o primeiro viaduto será construído na avenida Prudente de Morais sobre a avenida Lima e Silva, sentido Candelária/Centro e o segundo, na BR 101 sobre a marginal, nas proximidades do viaduto do Quarto Centenário, em Lagoa Nova. Os túneis, por sua vez, vão ligar a avenida Romualdo Galvão com a avenida Lima e Silva; e a avenida Prudente de Morais com as avenidas Lima e Silva e Capitão Mor Gouveia, e as ruas Jerônimo Câmara e Raimundo Chaves.

Olha ai vaqueirama. Senado aprova regulamentação da profissão de vaqueiro

O Plenário do Senado Federal aprovou nesta terça-feira (24/9), o PLC (Projeto de Lei da Câmara dos Deputados) 83/2011, que reconhece e regulamenta a profissão de vaqueiro. A proposta contou com o apoio dos líderes partidários e do presidente do Senado, Renan Calheiros. Como não foi feita nenhuma alteração, a proposta segue para a sanção presidencial.

De autoria dos ex-deputados Edigar Mão Branca e Edson Duarte, o projeto aprovado prevê que a contratação dos serviços de vaqueiro é de responsabilidade do administrador – proprietário ou não – do estabelecimento agropecuário de exploração de animais de grande e médio porte, de pecuária de leite, de corte e de criação.

Pelo texto, são atribuições do vaqueiro, entre outras atividades, alimentar os animais; realizar a ordenha; treinar e preparar animais para eventos culturais e socioesportivos com a garantia de que não sejam submetidos a atos de violência; e, sob a orientação de veterinários e técnicos qualificados, auxiliar com os cuidados necessários à reprodução das espécies.

Mais cedo, o presidente do Senado recebeu uma comitiva de vaqueiros de vários estados, entre eles Alagoas, Bahia, Pernambuco e Piauí. Diversos vaqueiros ocuparam a galeria do Plenário para acompanhar a votação do projeto.

Falando em nome da categoria, Márcio Lúcio, trabalhador da Fazenda Reserva, localizada no município de Jaramataia (AL), avaliou que a aprovação da proposta beneficiará muito os vaqueiros de todo o país, sobretudo pela exigência, incluída no texto, de contratação pelo empregador de um seguro de vida para proteger esses profissionais.

“Nós temos família e caso venhamos sofrer alguma acidente,  sem ter nenhum tipo de seguro, ficamos desprotegidos. Conheço muitos casos, por exemplo, de vaqueiros que ficaram cegos e deixaram as famílias desamparadas sem ter o que comer”, declarou Márcio Lúcio.

Segundo a proposta, é obrigatória a inclusão de seguro de vida e de acidentes em favor do vaqueiro nos contratos de serviço ou de emprego. Tal seguro deve compreender indenizações por morte ou invalidez permanente, bem como ressarcimento de despesas médicas e hospitalares decorrentes de eventuais acidentes ou doenças profissionais que o vaqueiro sofrer durante sua jornada de trabalho, independentemente da duração da eventual internação, dos medicamentos e das terapias que assim se fizerem necessários.


Fonte: Última Instância

Dana White coloca Renan Barão entre 5 melhores lutadores da atualidade

Com 33 lutas de invencibilidade, o cinturão interino da categoria galo (até 61 quilos) e cinco vitórias no UFC, sendo duas por finalização e uma por nocaute, o potiguar Renan Barão está nas graças do chefão do UFC, Dana White. Em entrevista coletiva concedida nesta terça-feira (24), o líder da maior organização de MMA do mundo colocou o brasileiro como um dos melhores lutadores da atualidade, junto com o colega de treinos José Aldo, campeão peso pena.

“Diferente de muitas pessoas, tenho respeito por Weidman, mas ele ainda não é top 5 peso-por-peso. Eu aponto Jon Jones, Anderson Silva, Georges St. Pierre, Renan Barão e José Aldo”, afirmou Dana White, durante evento de promoção da revanche entre Cris Weidman, atual campeão do peso médio do UFC, e o ex-dono do cinturão, Anderson Silva.

É importante lembrar que depois da vitória no último sábado (21), por nocaute, contra o americano Eddie Wineland, Renan Barão chegou ao sexto lugar no ranking “pound-for-pound” (peso por peso), atrás de Jon Jones, St-Pierre, José Aldo, Anderson Silva e Cain Velasquez. O brasileiro está a frente de Demetrious Johnson (campeão do peso mosca), Anthony Pettis (peso leve), Chris Weidman e Benson Henderson.

Dominick Cruz, campeão linear do peso galo, não aparece na relação dos dez melhores. No UFC, Renan Barão já ganhou prêmios de “finalização da noite”, “luta da noite” e, após a vitória contra Wineland, de “nocaute da noite”.

CHEGADA
Depois de voltar ao Brasil e participar de evento do UFC na manhã desta terça-feira (24), no Rio de Janeiro, Renan Barão deve desembarcar em Natal na madrugada desta quarta-feira (25), para merecidas férias na cidade. “Não vejo a hora de rever minha família, meus filho, meus amigos. Os treinos lá no Rio de Janeiro valeram à pena, mas agora eu quero descansar um pouco”, afirmou Barão.

Fiscalização da Semurb apreende paredões de som em Natal


Dando continuidade com a Operação Arrasta Paredão, os fiscais ambientais da secretaria de Meio Ambiente e Urbanismo do Município (Semurb) percorreram todas as praias urbanas da capital, a rodovia João Medeiros Filho, além dos Bairros Neópolis e Alecrim no último final de semana. A ação que contou com o apoio dos agentes do Grupamento de Ações Ambientais (GAAM) e da Ronda Ostensiva da Guarda Municipal do Natal (GMN) aplicou diversos autos de infração, e apreendeu equipamentos de som veicular, conhecidos como paredões de som.

Na Avenida João Medeiros Filho,na Zona Norte, os agentes fiscalizaram cinco estabelecimentos que tinham música ao vivo sem as adequações acústicas exigidas pelo Código de Meio Ambiente ou que estavam permitindo o uso de paredões de som em suas dependências, enquanto os proprietários dos veículos consumiam nos respectivos estabelecimentos. Por ocasião dessas abordagens, os agentes identificaram um policial militar fazendo uso de um potente equipamento de som, o militar foi autuado por descumprir a Lei Municipal 6246/2011, que proíbe o uso paredões de som em logradouros públicos ou locais privados de acesso público no Município do Natal.

Por meio de uma denúncia, os agentes chegaram a uma casa de show no limite de Natal com o Município de Extremoz, onde já havia uma guarnição da Companhia Independente de Polícia Ambiental (CIPAM/PMRN) em procedimento fiscalizatório. Nesse local, apreenderam mais um paredão e autuaram o estabelecimento por funcionar sem a necessária Licença Ambiental de Operação.

Da Zona Norte, os Fiscais seguiram para as praia do Forte, Meio, Artistas, Areia Preta, Miami, Via Costeira e Ponta Negra, onde segundo os fiscais a situação estava tranquila. Ainda atendendo à denúncias, os fiscais apreenderam mais dois paredões em Monte Belo, Bairro Neópolis, Zona Sul da cidade, em uma área residencial. Verificou também o funcionamento de um festa no Bairro Alecrim, Zona Leste, onde moradores denunciam o funcionamento do Bar do Negão, produzindo poluição sonora em uma rua também residencial.

Em Natal, paredões de som e o funcionamento de estabelecimentos sem Licença de Operação ou produzindo ruídos incômodos são proibidos por lei. Denuncie! O número da Ouvidoria da Semurb é o 3232 9183.

E aí pessoal, dá pra entender essa governadora? RN bate recorde de arrecadação em Agosto. ICMS bate recorde!!!

Os auditores Fiscais do Estado comemoraram no último sábado o Dia do Auditor (21 de setembro) apresentando os novos desempenhos do trabalho do fisco no Estado. A arrecadação de agosto foi de R$ 379.836.357,00, sendo mais de R$ 358 mi apenas de ICMS. O resultado é superior à meta estabelecida pelo Governo e mostra o contínuo crescimento, que deve garantir o recorde anual anunciado pela categoria superior a R$ 4,3 bilhões de reais.

“Aumentamos a presença do fisco no dia-a-dia do contribuinte. Isso se traduz em arrecadação maior, pois inibe a prática de ilícitos, da sonegação e até mesmo ajuda o contribuinte a corrigir falhas e erros que eles desconhecem e que provocam arrecadação menor”, explica Hermeneluce Fernandes, coordenador de Fiscalização da SET.

A Secretaria de Tributação tem hoje 1.736 procedimentos de auditorias, diligências e visitas ocorrendo simultaneamente. Isso mostra a interação dos auditores com os contribuintes.

Outro reforço foi o da fiscalização de mercadorias em trânsito. Com o fechamento dos postos de fiscalização, o fisco aumentou os volantes. Assim, os auditores formam núcleos que monitoram abertura de empresas, caminho da mercadoria desde a origem ao destino final. Este ano o trabalho já resultou em 794 apreensões e R$ 10.376.000,00 cobrados.

O trabalho intensificado resulta em números animadores. O RN foi apontado como o segundo melhor desempenho de arrecadação de ICMS do Nordeste em 2012 e o melhor o 6º do Brasil. O incremento do Estado foi de 170 %.

“Tivemos também o maior crescimento do Brasil no Simples Nacional. Entre 2008 e 2012 o RN subiu 170,35 % enquanto a média do Brasil foi de 52,28 %”, revela o auditor fiscal Pedro Lopes, presidente do Sindifern.

Os números continuam em ascensão. O Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos – DIEESE divulgou pesquisa sobre a evolução do ICMS no Rio Grande do Norte no primeiro semestre e o resultado foi um acréscimo de R$ 142 milhões em relação ao mesmo período do ano passado. No acumulado entre janeiro e junho, o Estado já tinha arrecadado R$ 1,8 bilhão.

META DE R$ 4,3 BILHÕES 

A meta do fisco potiguar é fechar 2013 com a arrecadação superior a R$ 4,3 bilhões de reais, o que proporcionaria um acréscimo total de 15,1% em relação a 2012.

“Já não há dúvida que a arrecadação de ICMS de 2013 será maior que 2012. Sobre a meta, considerando que historicamente a arrecadação do 2° semestre é superior ao do 1° semestre, acredito que atingiremos pela primeira vez a marca dos R$ 4 bilhões”, avalia Lopes.

Nesse clima de números em alta e resultado do trabalho diário, os auditores fiscais comemoraram no último sábado, 21, o Dia do Auditor com uma festa na sede campestre da Associação dos auditores – Asfarn, em Macaíba. Um dia de comemorações para toda categoria, amigos e convidados.

Desfiliações de Ricardo Motta e Raimundo Fernandes são aprovadas pelo TRE

O Tribunal Regional Eleitoral aprovou por unanimidade a desfiliação dos deputados estaduais Ricardo Motta e Raimundo Fernandes do PMN.

Com as saídas do PMN, os deputados estaduais ingressarão no Partido Progressista (PP).

Mercado da Bola: América anuncia volante e ABC deve anunciar atacante ex-Palmeiras e mais um

Nesta terça-feira (24), o mercado da bola foi agitado para o futebol potiguar. No América, foi anunciada a contratação do volante Adilson Goiano, que jogava no XV de Piracicaba, e teve passagens por pelo Crac e Vila Nova de Goiás.

No ABC, devem pintar os atacantes Maurinho, que defendia o Metropolitano de Santa Catarina e Maikon Leite, atualmente no Náutico e que teve boas passagens por Palmeiras e Santos.

Sinpol-RN anuncia que vai recorrer contra decisão de limites de protestos pela greve

A “guerra” está cada vez maior. Em assembleia realizada na tarde desta terça-feira (24), o Sindicato dos Policiais Civis e Servidores da Segurança Pública do Rio Grande do Norte (Sinpol/RN) anunciou que vai recorrer da decisão do desembargador Cláudio Santos, que impôs limites para a greve iniciada no dia 6 de agosto.

A medida mais contestada, a de que os grevistas devem manter uma distância de 200 metros do Centro Administrativo do Estado, foi a mais criticada entre a categoria.

O Sinpol-RN, por sua vez, garantiu que está cumprindo a determinação judicial, mas discorda da decisão.

Após sofrer entrada criminosa contra o Guaratinguetá, atacante do América fica fora de dois jogos

O Departamento Médico americano confirmou a ausência do atacante Rodrigo Pimpão nos dois próximos jogos do América pelo Campeonato Brasileiro da Série B. O jogador, que na partida do último sábado sofreu uma entrada criminosa por parte de um defensor do Guaratinguetá, sofreu um afundamento e uma fratura entre o arco zigomático e o maxilar, e será necessário alguns dias em tratamento.

Apesar da entrada criminosa, o defensor do Guaratinguetá – que já tinha cartão amarelo – continuou normalmente em campo, enquanto o volante americano Márcio Passos foi expulso por pedir uma atitude mais enérgica do árbitro da partida, o alagoano Francisco Carlos do Nascimento.

Tragédia: comerciante atropela e mata filho de 1 ano e 6 meses na garagem de casa no litoral norte

Mais uma tragédia dentro de casa foi registrada no Rio Grande do Norte. Nessa segunda-feira (23), na cidade de Rio do Fogo, litoral norte, uma criança de um ano e seis meses foi atropelada pelo pai, na garagem, e morreu. Segundo a Polícia Militar local, o motorista, comerciante, chegava da rua, quando abriu o portão, entrou e sua caminhonete e de repente sentiu o impacto na traseira.

Na ocasião, como não esperava, pois a esposa estava no banho e empregada saído, ao constatar que era criança, desesperado, levou Átila Mateus da Silva Alves para o hospital mais próximo, mas ele havia chegado sem vida. Em estado de choque, o comerciante precisou ser medicado para amenizar o seu descontrole.

Decreto de emergência da seca estima perdas em R$ 3,8 bilhões

Entre as considerações para justificar o decreto de emergência nos municípios potiguares castigados pela seca e publicado na edição de hoje do Diário Oficial (DOE), o Governo do Estado calcula em R$ 3,8 bilhões as perdas no campo – “representando uma redução de 47,76% na contribuição da formação do total da produção obtida pelo estado em anos de inverno normal”.

O decreto de emergência, entre outras coisas, leva em consideração uma análise da Coordenaria Estadual da Defesa Civil e as perdas da agropecuária com a seca que atingiu o Estado de janeiro de 2012 até a presente data (setembro de 2013). E menciona relatório da Secretaria de Meio Ambiente de Recursos Hídricos (Semarh) sobre a escassez de chuvas registradas no RN.

O decreto reitera, ainda, o impacto da seca sobre as cadeias produtivas no campo e lembra a insuficiência do estoque de água em reservatórios, açudes, tanques, poços tubulares, barreiras e “principalmente” cistenas – áreas em que o governo federal despeja milhões em investimentos nos estados atingidos pela seca.

Em maio do ano passado, o então secretário de Agricultura do Estado, Betinho Rosado, estimou que a seca no curto e médio prazo atingiria um prejuízo de R$ 7,5 bilhões sobre os produtos agrícolas já industrializados. Isso daria em torno de R$ 3,5 milhões de perdas ainda no campo com quebras na produção. Pelo visto, Betinho serviu como fonte para o decreto publicado hoje.

Essa previsão, aliás, foi feita no mesmo dia da abertura da IX Expoleilão, em maio de 2012, evento substituído este ano no calendário da Anorc pelo Encontro Nordestino do Setor de Leite e Derivados. Na ocasião, o ex-secretário profetizou: “Essa situação (da seca) vai se refletir na taxa de nascimento e mortalidade dos rebanhos com efeitos que ultrapassarão este ano e serão sentidos nos anos seguintes”.

Hoje, o chefe do escritório do IBGE no RN, Aldemir Freire, questionou o percentual de 46,7% de perda sobre a produção agrícola potiguar por causa da seca. “Mesmo que todo o rebanho no Estado tivesse morrido, o que em minha opinião está muito longe de ter acontecido, acho difícil atingirmos prejuízos dessa magnitude, até porque muitos setores como a fruticultura, por exemplo, não foram afetados pela falta de chuvas”, afirmou.

Sem examinar diretamente os números evocados pelo decreto de emergência do Estado, o professor Zivanilson Silva, do Departamento de Economia da UFRN, comentou que as perdas na economia potiguar como um todo tem sido preocupantes. Entre as evidências mais fortes de estagnação econômica ele citou a redução da oferta de energia para a indústria, especialmente depois do fechamento da fábrica da Coteminas, em São Gonçalo do Amarante.

O setor têxtil lidera a lista das maiores retrações no consumo com menos 33,80% em relação ao primeiro semestre do ano passado, seguido pelo setor de confecções, com menos 14,80%. O segmento de bebidas aparece em terceiro lugar entre as maiores quedas no consumo com menos 7,50%. Todos esses dados são da concessionária de energia em resposta a uma consulta deste jornal em março deste ano.

Contudo, a mesma falta de chuvas que atingiu a produção rural trouxe, na outra ponta, um aumento no consumo médio de energia elétrica no Estado em torno de 7,8% no primeiro semestre deste ano em relação aos seis primeiros meses de 2012.

O setor rural foi o que apresentou a maior expansão de demanda de energia no período analisado, 12,6%, em função da necessidade de irrigação das lavouras. A classe residencial registrou um aumento médio de 10,7% no consumo do primeiro semestre e, além disso, também houve crescimento na base  de clientes e do poder aquisitivo da população do Estado, que tem o maior consumo residencial do Nordeste – em média 144,6 Kwh neste primeiro semestre, superando o consumo médio do Nordeste que foi 112 Kwh.

Justiça nega pedido de recuperação judicial da Telexfree

O juiz Bráz Aristóteles dos Reis, de Vitória (ES), negou o pedido de recuperação judicial da Ympactus Comercial, que utiliza o nome fantasia de Telexfree e é acusada de formar uma pirâmide financeira , de acordo com publicação do Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES). A pirâmide financeira, que é uma prática criminosa, ocorre quando o organizador da empresa remunera seus antigos sócios com taxas de adesão cobradas dos novos e não com o lucro do empreendimento.

O juiz considerou que as duas empresas constituem o mesmo grupo de atividade econômica, e que, portanto, não há possibilidade do fluxo de caixa viabilizar eventual recuperação tendo como base a Lei de Falência e Recuperação de Empresas.

A Ympactus S. A anunciou na última sexta-feira, por meio de sua conta oficial no Facebook, que entrou com pedido de recuperação judicial. De acordo com o comunicado, a medida visava proteger os divulgadores e a empresa no País. A recuperação judicial visa auxiliar as empresas que se encontram em dificuldades financeiras a superarem a crise. Se tivesse sido deferida pela Justiça, a medida suspenderia por 180 dias as cobranças de que a empresa é alvo. De acordo com o advogado Raul Haidar, após este período a Telexfree poderia solicitar descontos nas dívidas e um prolongamento no prazo do pagamento. Contudo, os credores não são obrigados a aceitar o pedido.

Procurado, o advogado da empresa não foi encontrado para confirmar o caso. Na página da Telexfree no Facebook, consta que a empresa irá se manifestar sobre o processo de recuperação judicial anda nesta terça-feira.

FNF prepara adequações no campeonato estadual

O calendário do futebol brasileiro para 2014 divulgado pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) encurtou o período dos Estaduais que terão um mês a menos para a disputa, com apenas 27 datas e o término previsto no dia 13 de abril. Já a Copa do Nordeste, competição que terá América e Potiguar será encerrada no dia 23 de fevereiro. Para conseguir cumprir as novas determinações, a Federação Norte-rio-grandense de Futebol terá que fazer algumas adequações.

O presidente da FNF, José Vanildo, disse hoje que o departamento técnico da federação apresentará até o fim do mês as adequações. “Diante das mudanças no calendário da CBF, temos que reservar pelo menos duas datas para a Copa do Brasil, estamos trabalhando dentro das datas disponibilizadas e já temos algumas propostas alcançadas, mas só teremos uma definição no final do mês”, revelou o dirigente maior do futebol potiguar.

O dirigente também revelou-se preocupado com a questão física dos atletas. “Não há dúvidas de que a redução no período para a disputa do Campeonato Estadual irá prejudicar os clubes, o tempo de preparação será bem menor e isso dificultará o rendimento dos jogadores em campo”, explicou o dirigente. Os clubes que optarem pela antecipação da pré-temporada também terão problemas com as despesas, pois será necessário contratar e pagar salários no mês dezembro, período geralmente de rescisões contratuais.

O Campeonato Estadual de 2014 será formado por dez clubes: ABC, Alecrim, América, Assu, Baraúnas, Corintians, Palmeira de Goianinha, Potiguar, Santa Cruz e o Globo FC, campeão da segunda divisão deste ano.

Felipe Alves vota favorável a pedido de empréstimo de Carlos Eduardo

A Câmara Municipal de Natal reinicia os trabalhos na tarde desta terça-feira para apreciação de três importantes projetos, sendo um de autoria do Poder Executivo (pedido de empréstimo para execução de obras de mobilidade urbana) e dois de iniciativa do Poder Legislativo – voto aberto para todas as matérias encaminhadas à Casa e redução do recesso parlamentar, passando de 90 para 45 dias as férias dos parlamentares.

O vereador Felipe Alves, do PMDB, declarou que votará favorável à aprovação das matérias por entender que são benéficas para Natal e para a sociedade. No caso do pedido de  empréstimo para mobilidade urbana, Felipe Alves avalia  que as obras servirão, não só para a Copa do Mundo com a construção do Estádio Arena das Dunas, mas ficará um legado para a cidade, melhorando vias públicas, o trânsito, e consequentemente a qualidade de vida da população natalense.

Ainda segundo o vereador Felipe Alves, no caso do voto aberto, é uma tendência que já acontece em vários parlamentos brasileiros que proporcionará ao eleitor acompanhar o posicionamento dos seus representantes. “Com o voto aberto teremos mais transparência”, ressalta o peemedebista, também  se mostrando favorável à redução do recesso parlamentar. No seu entendimento, os 45 dias de recesso serão suficientes para os parlamentares visitar suas bases eleitorais e projetar o mandato subsequente.


BISPO
Integrante da bancada de apoio ao prefeito Carlos Eduardo, o vereador Bispo Francisco de Assis, do PSB, avalia que o pedido de empréstimo devera ser votado e aprovado ainda esta semana, já que segundo ele, trata-se de uma matéria de interesse da coletividade. “Eu, particularmente, votarei favorável e acredito que o empréstimo não terá dificuldades para ser aprovado, já que o prefeito tem maioria na Casa”, observa o vereador.

Questionado sobre a indicação do nome do vereador Júlio Protásio para a liderança do prefeito na Câmara Municipal, o bispo Francisco de Assis considerou “o nome certo no lugar certo”, já que segundo o vereador do PSB “é um bom articulador político, se relaciona bem com os demais colegas vereadores e pode realizar um bom trabalho à frente da liderança”.

Após vitória, Renan Barão sobe para 6º no ranking do UFC; Anderson Silva cai

O brasileiro Renan Barão não só manteve o cinturão interino do peso galo como também ganhou uma posição no ranking peso por peso do UFC. Na nova classificação divulgada nesta segunda-feira, o lutador aparece na sexta colocação, ultrapassando o campeão dos moscas Demetrious Johnson.

Barão chegou a sua 32ª luta sem derrota ao nocautear Eddie Wineland no UFC 165, no último sábado, no Canadá. Na luta principal da noite, Jon Jones superou o sueco Alexander Gustafsson. O norte-americano segue liderando o ranking, que teve outra novidade para os brasileiros.

O campeão do peso pena José Aldo aparece na terceira colocação, antes ocupada por Anderson Silva, que agora é o quarto. A segunda colocação é do canadense George Saint-Pierre e o americano Cain Velasquez completa o top 5.

Na divisão dos meio-pesados, Lyoto Machida perdeu a quarta colocação para Rashad Evans e Chael Sonnen agora figura em oitavo, superando Gegard Mousasi.

O russo Khabib Nurmagomedov e o francês Francis Carmont figuram pela primeira vez nos rankings de suas categorias. Entre os leves, o russo aparece em sétimo lugar após derrotar Pat Healy no último sábado. Ele está invicto no UFC e venceu todas as 21 lutas da carreira.

Já Carmont é o oitavo na divisão dos médios. Ele também esteve no card do UFC 165, quando derrotou Costa Philippou.

O ranking oficial do UFC é montado de acordo com a votação de 90 jornalistas especializados de todo o mundo. Após cada evento, o ranking é aberto para os votantes atualizarem as classificações. O UOL tem dois representantes nesse ranking oficial do UFC.

Vereador lança sucessor de Maurício Marques na Prefeitura de Parnamirim

O vereador Ricardo Gurgel (PSB), futuro presidente da Câmara Municipal de Parnamirim (biênio 2015/2016), lançou o nome do secretário de Obras Públicas e Saneamento, Naur Ferreira, como sucessor de Maurício Marques (PDT) à frente do Executivo Municipal. Naur Ferreira é presidente do PSB, partido de Gurgel, em Parnamirim, e secretário de Obras e Infraestrutura da cidade.

“Eu destacaria o nome do presidente do meu partido, Naur Ferreira, para suceder Maurício Marques. Por que não?”, disse o vereador, ao ser instado a apontar possíveis sucessores de Maurício Marques na gestão da cidade. Gurgel disse que Naur fez parte das últimas quatro gestões, inclusive das duas gestões de Agnelo Alves e participa, também, das duas administrações até agora de Maurício Marques.

“Naur é o secretário do prefeito Maurício Marques, ajudou no desenvolvimento de Parnamirim no primeiro e no segundo mandato de Agnelo, no primeiro e no segundo mandato de Maurício Marques e, para mim, ele é o melhor sucessor de Maurício”, disse Gurgel, durante entrevista ao Jornal de Hoje.

BANCADA
Sobre os políticos que atuam em nome de Parnamirim, Ricardo Gurgel criticou a atuação tímida dos deputados estaduais Gilson Moura e Agnelo Alves em benefício da cidade. A chamada “bancada de Parnamirim” na Assembleia Legislativa, segundo ele, “deveria alavancar mais o nome de Parnamirim a nível nacional e estadual”.

Para Gurgel, Agnelo e Gilson apresentam “atuação tímida” em favor da cidade. “Agnelo é um grande líder, é um grande administrador, mas acho que no momento é muito tímida a atuação dele como deputado. O mesmo digo em relação ao deputado Gilson Moura. Ambos deveriam alavancar mais o nome de Parnamirim a nível estadual e nacional”, afirmou Gurgel.

SUCESSÃO
Quanto à sucessão estadual, Ricardo Gurgel defendeu a candidatura da presidente estadual do seu partido, o PSB, Wilma de Faria, a governadora do Estado. “Na minha visão, Wilma deve ser candidata a governadora. Ela está bem nas pesquisas e aonde ela chega tem o que mostrar”. Ainda segundo Ricardo Gurgel, “Wilma plantou uma semente em cada município do Rio Grande do Norte e está no páreo sim para ser governadora”.

Greve dos bancários gera transtornos à população

Já se vão seis dias desde que a grave nacional dos bancários foi deflagrada. Os transtornos para a população começam a se acumular e já atingem um nível que beira o insustentável. Enquanto isso, a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) sequer apresentou proposta aos grevistas, que ainda aguardam uma contraproposta – ou ao menos um posicionamento – por parte do órgão patronal. Até o momento não há qualquer estimativa para o término da paralisação.

A pauta de reivindicações da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf/CUT), adotada pelos sindicatos dos bancários em todo o País, exige reajuste salarial imediato de 22%, mais o parcelamento da reposição integral das perdas, entre outras solicitações. A Fenaban ofereceu inicialmente 6,1% de aumento, proposta prontamente negada pelas entidades classistas, sob alegação de que esse valor é inferior até mesmo à inflação do período.

A população, maior vítima dessa falta de acordo entre as partes, sofre com inúmeros aborrecimentos para conseguir honrar os compromissos em dia. Apesar de existirem canais alternativos, como correspondentes bancários, internet banking ou casas lotéricas, muitas vezes o acesso a esses meios é mal divulgado e o usuário nem ao menos fica sabendo como proceder.

Segundo o aposentado Antônio de Pádua, a greve é legítima e necessária, até para que o serviço dos bancos melhore, mas o sindicato deveria zelar mais pela população, para que o movimento não cause o efeito contrário e seja rejeitado pelas pessoas. “Sou completamente favorável à paralisação, mas nós clientes não podemos ser penalizados com tantas restrições. O rapaz do sindicato acabou de explicar que a única agência do Banco do Brasil em toda a capital que está fazendo depósitos é a do Natal Shopping, e, mesmo assim, apenas das 10h às 13h. Ele disse que essa prática de suspender os depósitos partiu da direção do banco – não do sindicato – e sugeriu que eu procurasse o correspondente bancário para realizar as operações, mas não sabia informar onde e como eu poderia encontrar um. Assim fica complicado”, desabafa.

A presidente do Sindicato dos Bancários no Rio Grande do Norte, Marta Turra, explica que a movimentação está sendo feita totalmente de acordo com a lei de greve para o setor financeiro, que prevê a manutenção de pelo menos 30% dos serviços bancários no período de paralisação. “Na realidade estamos com mais de 40% de funcionamento; os serviços de compensação, pagamentos e saque estão funcionando à plenitude. O que temos observado são casos específicos, como o da agência do Banco do Brasil na Ayrton Senna, que está agindo de maneira arbitrária, sem seguir as indicações do sindicato. Recebemos informações de que eles estão com o quadro de funcionários completo dentro da agência, mas sem receber o público. Para mim, greve só tem duas opções, participa ou não. Ficar fazendo isso é querer se aproveitar do movimento para ‘mostrar serviço’ ao patrão, mesmo sem atender à população. O sindicato é totalmente contrário a esse tipo de prática”, critica a sindicalista.

Procurada pela reportagem d´O Jornal de Hoje, a gerência da agência do Banco do Brasil na avenida Ayrton Senna se limitou a negar as afirmações do sindicato e informar que nos reportássemos à superintendência da instituição. (CL)

Camelôs criticam reordenamento do comércio informal da Cidade Alta e temem prejuízos

O projeto de reordenamento do comércio informal em Cidade Alta, idealizado pela Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur), deverá adequar os espaços do centro comercial em Natal para alguns vendedores ambulantes. Até o final de outubro, esses vendedores serão distribuídos em espaços fixos legalizados para a comercialização, localizados nas ruas Princesa Isabel, Coronel Cascudo e João Pessoa. Entretanto, a medida que beneficiará alguns vendedores pode prejudicar outros. É o que reclama comerciantes locados no camelódromo do centro.

O questionamento é argumentado em função da possibilidade de vendas que uns terão a mais que os outros. Para a comerciante Miraci Gomes, que divide um espaço com sua irmã no Shopping Popular, essa permissão que a Prefeitura está dando para vendedores ambulantes irá prejudicar quem trabalha no camelódromo.

“Lugar de camelô é no camelódromo. Por isso nós viemos para cá e permaneceremos aqui”, disse. “Porém, essa medida da Prefeitura deixará o movimento mais fraco para a gente. Com certeza não apoiamos essa permissão. Se todos os vendedores ambulantes viessem para cá, as possibilidades de venda seriam iguais para todos”, afirmou.

Francilene Oliveira, que também tem um box no camelódromo, disse que o reordenamento da Semsur deixará os comerciantes do Shopping Popular fora da concorrência. “Nós conseguimos ter o nosso lucro, mas de certa forma somos prejudicados. Quem está nas calçadas tem mais possibilidades de vender, já que estão na passagem das pessoas. Para não prejudicar nenhum comerciante, o ideal seriam que todos os vendedores informais ficassem em um mesmo local. Só assim as pessoas viriam até nós”, declarou.

Segundo o responsável pela administração do Shopping Popular, Francisco Assis de Lima, o espaço, cedido pela Prefeitura em 1997, ainda tem boxes para alojar alguns comerciantes. Dos 448 espaços, ainda restam uma média de 15% fechados. Cada box pode ser alugado pelo valor de R$ 6 por semana – dinheiro que ajuda nos custos de manutenção, despesa e segurança.

“Se a Prefeitura nos ajudasse a aumentar esse terreno e criar mais boxes, teríamos espaço para todos os ambulantes”, explicou. “De fato, quem fica nas calçadas das ruas acaba nos prejudicando. E o pior de tudo é que tem quem ocupe um box aqui, mas ainda trabalhe nas ruas. Cadê a fiscalização?”, questiona o administrador.

Reordenamento
Ao todo, serão 90 vendedores ambulantes que terão pontos fixos nas ruas de grande fluxo popular. Os locais de instalação e o número de ambulantes foram definidos a partir do censo realizado no mês de março pelo Departamento de Fiscalização da Semsur, que fez um levantamento do número de comerciantes que atuam na área. O estudo avaliou mercadorias comercializadas, área de atuação e dados pessoais, além de um questionário socioeconômico e registro fotográfico.

O resultado do levantamento determinou o número de vagas a serem ocupadas. As avaliações das áreas para instalação do comércio informal no bairro utilizaram como critérios a preservação do passeio público, acessibilidade, dimensões dos passeios, as tipologias edilícias e o impacto no trânsito da cidade.

O censo verificou que 172 comerciantes informais atuam na Cidade Alta. Após análise de cada tipo de mercadoria comercializada e respectivo equipamento, ficou constatado que 90 comerciantes se classificaram no processo seletivo, pois exercem suas atividades dentro da lei.

Além das vagas fixas, foram disponibilizadas 23 vagas para comerciantes rotativos, que são os vendedores informais que exercem as atividades com poucos instrumentos de trabalho, como vendedores de água e picolé, que geralmente não impedem o fluxo de pedestres nas calçadas.

Paulo Sérgio, 32, responsável por uma barraca de sandálias na rua João Pessoa, disse à reportagem que esse reordenamento foi a melhor forma encontrada pela Prefeitura para solucionar o problema dos comerciantes e pedestres. Ele, que trabalha com o comércio informal há mais de oito anos, disse que não tem outro lugar que possa trabalhar.

“Sabemos que o pessoal do camelódromo reclama, mas também não temos o que fazer. Precisamos nos sustentar e é daqui que tiramos esse sustento. Com o reordenamento, nós podemos garantir nosso emprego e as pessoas não se sentirão mais prejudicadas, já que terão mais espaço livre nas calçadas”, disse. Na rua João Pessoa, a equipe da Semsur está terminando o alongamento da calçada onde ficará parte dos ambulantes.

De acordo com Fátima Lima, secretária adjunta da Semsur e coordenadora do projeto de readequação, não há razão de desentendimento entre vendedores ambulantes e comerciantes do camelô.  “O censo que realizamos incluiu apenas os vendedores que não possuem box no Shopping Popular. Os que já tinham os seus quiosques não foram beneficiados em nosso projeto. Houve uma avaliação criteriosa e não podíamos deixar essas pessoas sem condições de trabalho”, explicou Fátima.

A representante da Semsur ainda informou que os comerciantes do Shopping Popular também serão beneficiados com um projeto de readequação. “Nós também estamos pensando nas condições deles. Estamos dando prioridade à readequação dos ambulantes, mas depois disso partiremos para a reestruturação do Shopping. No primeiro semestre de 2014 tudo estará definido”, disse. Para manter o controle do número de vendedores ambulantes licenciados, a Secretaria de Serviços Urbanos disponibilizará oito fiscais que irão trabalhar diariamente no comércio da Cidade Alta.

Júlio Protásio aceita convite e reassume liderança do prefeito Carlos Eduardo na Câmara de Natal

Após meses de muitas especulações, vetos derrubados e convites recusados, o prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT) volta a partir de hoje, a contar com um líder na Câmara Municipal de Natal. O vereador Júlio Protásio (PSB) foi convidado na noite desta segunda-feira (23) para reassumir a função que deixou no final de junho e aceitou retomar o posto.

Segundo o vereador, os problemas que lhe motivaram a deixar a liderança já foram superados. O maior deles foi o fechamento do posto de saúde do Conjunto Jiqui, região onde o parlamentar exerce forte liderança política. O próprio Júlio chegou a criticar publicamente o secretário municipal de Saúde, Cipriano Maia, pela decisão de interromper os serviços da unidade. Mas, pouco tempo após sua saída da função, o local foi reaberto pela Prefeitura.

O outro ponto que levou Júlio a renunciar ao cargo de líder da bancada foi o anúncio do procurador geral do município, Carlos Castim, de que a cidade extinguiria o programa Proeduc. A decisão foi endossada em seguida por Carlos Eduardo. O projeto, criado pelo vereador e implantado na gestão Micarla de Sousa, consiste no financiamento de cursos universitários para estudantes de baixa renda. Mas, apesar da intenção, até agora nenhuma atitude foi tomada pela administração.

Hoje pela manhã, Júlio confirmou a O Jornal de Hoje seu retorno a liderança. Para o vereador, voltar ao antigo posto é “uma honra”, principalmente pela possibilidade de contribuir com o desenvolvimento da cidade.

“É uma honra poder ajudar ao prefeito no seu objetivo que é fazer uma grande administração. Eu gostaria, já naquela época, de ter superado os problemas para continuar na função, mas não foi possível. Não é um fardo assumir a liderança, pelo contrário. Quero ajudar a minha cidade e vou dá a minha contribuição no que for possível”, disse o parlamentar.

A volta ao cargo ocorre em um período importante para o futuro da administração municipal. Carlos Eduardo tenta agilizar na Câmara a aprovação de um empréstimo milionário para a Prefeitura junto a Caixa Econômica Federal. Os recursos possibilitarão o pagamento das contrapartidas exigidas para as obras de mobilidade urbana previstas com a Copa do Mundo de 2014. A expectativa é construir cinco túneis e seis viadutos nos arredores do estádio Arena das Dunas.

Júlio enfatizou o objetivo de conseguir “uma maior celeridade” na apreciação da matéria. Diante das dúvidas de alguns vereadores sobre o assunto, o parlamentar solicitou mais um dia de análise do projeto, que deverá ocorrer na sessão de hoje. Com isso, ficou acertada a intenção de colocar o projeto em votação já na tarde de amanhã, em regime de urgência.

Antes de Júlio, Carlos Eduardo convidou oficialmente o vereador Bispo Francisco de Assis (PSB) para assumir o cargo. O pessebista, no entanto, recusou o cargo. O mesmo teria acontecido com a vereadora Júlia Arruda (PSB). Os demais cotados, George Câmara (PC do B) e Jacó Jácome (PMN), não foram aprovados por assessores diretamente ligados ao gestor.

Aliada de Rosalba em Mossoró se filia ao PMDB e deixa partido híbrido

Um misto de oposição com governo. É assim que pode ser classificado o PMDB no Rio Grande do Norte. O partido, dos líderes políticos Henrique Eduardo e Garibaldi Filho, rompeu há menos de trinta dias com o governo Rosalba Ciarlini (DEM), mas mantém em aberto a possibilidade de compor com a legenda presidida pelo senador José Agripino Maia (DEM) para as eleições de 2014. Para completar, ontem, em solenidade na Câmara Municipal de Mossoró, Henrique e Garibaldi abonaram a ficha de filiação partidária da ex-prefeita de Mossoró Fafá Rosado (DEM), aliada política da governadora Rosalba Ciarlini, aos quadros do PMDB.

Ao assinar a sua ficha de filiação do PMDB, a ex-prefeita de Mossoró, que já foi filiado ao PMDB, afirmou que seguiu o “caminho do coração” voltando ao partido no qual começou sua militância política. Durante o evento, ela homenageou o ex-presidente estadual do partido, Aluizio Alves, falecido em 2006, um dos maiores incentivadores de sua candidatura à Prefeitura de Mossoró. Fafá também agradeceu o apoio e o compromisso do deputado Henrique Eduardo Alves e do ministro Garibaldi Filho, que a ajudaram nos seus oito anos como prefeita (2004 a 2012), do mesmo modo que, agora, continuam ajudando a prefeita Cláudia Regina (DEM).

O ato de filiação de Fafá Rosado ao PMDB foi realizado no plenário da Câmara Municipal de Mossoró, em solenidade conduzida pelo presidente estadual do partido, Henrique Eduardo Alves. Também participaram do evento o ministro da Previdência, Garibaldi Filho; a presidente municipal do PMDB, Izabel Montenegro; o vice-prefeito de Mossoró, Wellington Filho; e um grande número de correligionários.

CONFUSÃO
A filiação de Fafá Rosado ao PMDB cria mais um elemento no contexto de ambiguidade do PMDB potiguar. O partido, que anunciou o afastamento em relação ao governo do DEM, mantém em aberto a possibilidade de se aliar ao DEM na disputa do ano que vem. Em entrevistas à imprensa, lideranças do PMDB declararam que o rompimento do partido não foi apenas com o governo Rosalba, mas com o DEM.

Na verdade, existiria um acordo entre os presidentes do DEM e do PMDB, José Agripino e Henrique Alves, respectivamente, no sentido de apoio mútuo nas eleições de 2014. Agripino teria ficado irritado com o rompimento do PMDB, haja a vista que o suposto acordo teria em vista a aliança entre as duas legendas em 2014. No dia em que o PMDB rompeu, Agripino declarou que o DEM manteria o diálogo com o PMDB. Até o momento, nenhuma liderança, seja do DEM, seja do PMDB, afirmou ser impossível uma coligação entre as duas legendas para as eleições do ano que vem.

A confusão quanto à exata posição política do PMDB em relação ao DEM após a entrega dos cargos e o afastamento é ampliada com a chegada de Fafá Rosado ao partido de Henrique e Garibaldi. Fafá governou Mossoró por oito anos empunhando a bandeira do DEM. Seu marido, o deputado estadual Leonardo Nogueira, é do DEM e já avisou que não vai sair. Já a prefeita Fafá se filiou ontem ao PMDB, avisando que não rompe de jeito nenhum com Rosalba. O PMDB em Mossoró, bem como em outros municípios, é aliado ao DEM.

O fato de o deputado estadual Leonardo Nogueira ter afirmando e reafirmado recentemente que a filiação de Fafá ao PMDB não representaria, sob nenhuma hipótese, o rompimento ou o afastamento de Fafá em relação ao grupo político da governadora Rosalba Ciarlini, levou lideranças do PMDB a afirmarem que o PMDB não é cobra de duas cabeças.

Em entrevista ao Jornal de Hoje, o ministro da Previdência, Garibaldi Filho, disse que “Fafá não pode ter outra atitude a não ser concordar com o rompimento” do PMDB com Rosalba Ciarlini. Garibaldi disse não ser possível Fafá ser aliada de Rosalba, “porque como é que Fafá vem para o partido? Para ter uma atitude de dissidência? Se ela está chegando agora, eu acho que está chegando numa hora de rompimento e não pode ter outra atitude que não concordar com esse rompimento”, afirmou.

O líder do PMDB na Assembleia Legislativa, deputado estadual Walter Alves, havia expressado, antes do pai, o mesmo sentimento: “A prefeita Fafá é um quadro qualificado. Foi uma boa prefeita de Mossoró e o PMDB se fortalece com sua chegada. Mas ela chega sabendo que o PMDB rompeu com o governo”.  O deputado Nélter Queiroz (PMDB) também se manifestou: “Fafá Rosado chegará sabendo que o PMDB é um partido de oposição”, disse.

“PMDB vai procurar construir uma candidatura a governador dentro dos seus próprios quadros”
Durante o ato de filiação de Fafá ao PMDB, o presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo, afirmou que o PMDB está elaborando um projeto “realista e viável” visando à recuperação do Rio Grande do Norte e que vai apresentá-lo, com uma proposta de parceria aos demais partidos, no início de 2014.

Questionado sobre a possibilidade de o PMDB apoiar integrantes de outros partidos para o governo do Estado – como o vice-governador Robinson Faria (PMN) e o prefeito de Natal, Carlos Eduardo (PDT) -, o presidente da Câmara disse que “o PMDB vai procurar construir uma candidatura dentro dos seus próprios quadros”.

Henrique destacou que somente no “momento oportuno”, entretanto, o partido vai definir nomes. “Primeiro, temos que pensar na recuperação do Rio Grande do Norte, que enfrenta uma situação de extrema dificuldade. Por isso, estamos elaborando uma proposta de governo, a ser discutida com os demais partidos, convictos que estamos de que ninguém ganhará uma eleição sozinho e muito menos conseguirá governar”, afirmou.

Ele assinalou, porém, que o momento de definição ainda não chegou. Primeiro, alertou, é preciso formar uma aliança diante de um programa de governo e, em seguida, partir para a construção da chapa majoritária, que não se resume à indicação do nome do candidato a governador – tem também os nomes dos candidatos à vice-governadoria e ao Senado.

Em relação ao anúncio de rompimento do PMDB com a governadora Rosalba Ciarlini e à sua atitude de respaldar pleitos administrativos junto ao governo federal, Henrique Alves afirmou que “o PMDB deixou de participar do governo e afastou-se do projeto político-eleitoral da governadora; mas não rompeu, porém, os seus compromissos com o Rio Grande do Norte”.

Nesse sentido, ele lembrou que conseguiu com o chefe da Secretaria de Aviação Civil, ministro Moreira Franco, para que uma equipe técnica da secretaria de Aviação Civil visite Mossoró, na próxima semana, para que seja feita uma avaliação sobre a condição do aeroporto e suas necessidades para que volte a operar comercialmente.

Garibaldi reforça que PMDB faz oposição a Rosalba
Participando em Mossoró ao lado do presidente da Câmara Henrique Eduardo do ato de filiação da ex-prefeita de Mossoró Fafá Rosado, o ministro da Previdência, Garibaldi Filho, reafirmou a posição de oposição do PMDB em relação ao governo Rosalba Ciarlini.

O ministro salientou que o PMDB se configura hoje como um partido de oposição ao projeto político capitaneado pela governadora Rosalba Ciarlini, mas que continua – através dele e do deputado Henrique Eduardo – a ajudar nas demandas que tragam benefícios para o Rio Grande do Norte. “Quero dizer, Fafá, que contamos com você para o que der e vier. O PMDB terá candidato próprio em 2014, e vamos ganhar se Deus quiser”, reforçou o ministro, em mais uma sinalização de que o PMDB não comporta aliança com o governo Rosalba Ciarlini.

No seu discurso, o ministro deu as boas-vindas aos novos filiados, sobretudo, a ex-prefeita Fafá Rosado, que entrou para a política em meados dos anos 2000 através do PMDB, sendo ela respaldada à época pelo ex-governador Aluísio Alves. “Fafá, mesmo atuando em outro partido nos últimos anos, nós sempre soubemos que o seu coração era PMDB. Você retorna numa hora importante. Nós sabemos do seu amor por Mossoró e, mais ainda, do amor dos mossoroenses por você”, destacou Garibaldi Filho.

Betinho abandona DEM sem justa causa e poderá perder o mandato
Mesmo sabendo que ficará passível de perder o mandato, o deputado federal Betinho Rosado (DEM) comunicou nesta segunda-feira, ao juiz eleitoral da 33ª Zona Eleitoral, onde é inscrito, em Mossoró, que pediu desfiliação do partido. A desfiliação de Betinho ocorre após duas tentativas frustradas dele de obter justa causa na Justiça Eleitoral para deixar o DEM. Na semana passada, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) emitiu decisão final quanto à desfiliação solicitada pelo parlamentar, sendo pela não liberação. Com isso, Betinho, que alega discriminação, resolveu deixar o partido assim mesmo.

Para concorrer nas eleições de 2014, Betinho Rosado deverá fazer uma nova filiação partidária até o próximo dia 5 de outubro.  Em entrevista à imprensa, esta manhã, o deputado afirmou que, com o comunicado feito à Justiça Eleitoral, em 48 horas estará livre para fazer uma nova opção partidária. “Desta vez não é tentativa. O procedimento que eu fiz desfilia automaticamente dentro de dois dias”, frisou.

Para justificar o pedido de desfiliação, o deputado Betinho Rosado disse que está sofrendo discriminação.
Segundo consta no seu processo de desfiliação por justa causa, nos pleitos eleitorais de 2006 e 2010, o DEM não destinou recursos financeiros igualitariamente para os candidatos do partido, tendo beneficiado o filho do senador José Agripino, deputado federal Felipe Maia (DEM), com maior fatia de recursos financeiros oriundos da legenda.

Segundo Betinho, por conta disso, houve grave discriminação pessoal em relação à sua pessoa. A discriminação pessoal é tratada por uma resolução específica do TSE, que estabelece as condições para desfiliação por justa causa.

Ainda de acordo com Betinho Rosado, nas eleições 2006, foram gastos R$ 345 mil com os candidatos ao cargo de deputado federal. Desse total, R$ 100 mil ficaram em sua campanha, enquanto R$ 245 mil com o candidato Felipe Maia. Betinho conclui alegando que no pleito de 2010, o DEM despendeu R$ 1,1 milhão com os candidatos ao cargo de deputado federal, mas nada foi destinado à sua candidatura.

Ainda em contato com a imprensa local, Betinho disse que não sabe para qual legenda migrará e que isso será definido até a próxima semana. Essa informação é importante porque, dependendo da escolha, Betinho poderá perder o mandato na própria Justiça Eleitoral, já que a lei é clara e o mandato pertence ao partido e não ao político. “A única coisa certa que eu tenho é que o partido que eu irei estará apoiando a candidatura de reeleição da governadora Rosalba Ciarlini”, afirmou.

REAÇÃO
Em nota enviada à imprensa, o presidente nacional do DEM, senador José Agripino, afirmou nesta segunda-feira, que não vai aceitar a saída do deputado federal da legenda. O senador avisou que fará uma denúncia formal, na qual apontará infidelidade partidária.

“Sobre razões ou motivo para o deputado Betinho Rosado se desfiliar do Democratas  já se manifestaram o Ministério Público e o Tribunal Superior Eleitoral, negando-lhe  justa causa. Como amigo do deputado, lamento seu pedido de desfiliação. Como presidente do Partido, cabe-me ouvir a Executiva Nacional e tomar as providências que a lei impõe”, disse Agripino.

Se a Justiça Eleitoral acatar as alegações do presidente do DEM, Betinho Rosado poderá ser punido com a perda do mandato. Como não há suplente no partido, a vaga recairia para o suplente Rogério Marinho (PSDB), atual secretário estadual de Desenvolvimento Econômico do Rio Grande do Norte.

São Caetano é denunciado no STJD , pode perder seis pontos e tirar ABC da lanterna

O São Caetano pode se complicar na luta contra o rebaixamento na Série B do Campeonato Brasileiro. O Paysandu, time que também luta contra a degola, denunciou o Azulão no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) pela escalação irregular do lateral-esquerdo Renan Luis.

O Papão apresentou uma denuncia junto ao STJD e aguardará a posição do Tribunal para saber se o caso será levado adiante. Na visão do time paraense, o jogador não podia vestir a camisa do Azulão, pois havia atuado por outras duas equipes.

A FIFA não permite que um atleta entre em campo em competições nacionais por ter três times diferentes. No primeiro semestre, ele havia disputado a Copa do Brasil, pela Ponte Preta, clube dono de seu passe, e jogou a Série B pelo Ceará antes de ir para o São Caetano.

O departamento jurídico do Paysandu acredita que caso o São Caetano seja punido, o clube perderá seis pontos na classificação e ficará ainda mais perto da Série C do Brasileiro. O Papão, porém, adota cautela e aguardará a posição do STJD para trabalhar em cima do caso.

O azulão, com 23 pontos, em caso de perda dos pontos, assumirá a lanterna e favorecerá, principalmente, o ABC, que tem 20 e ficará com três pontos na frente do concorrente paulista.

Mais um reforço: ABC acerta com meia destaque na Série C

O ABC segue fazendo de tudo para tenta escapar da degola da Série B do Campeonato Brasileiro. Nesta terça-feira, o time foi ao mercado e acertou a contratação do meia Junior Timbó, ex-Portuguesa, que estava disputando a Série C do Brasileiro pelo Águia.

O camisa 10 foi liberado de graça, pois uma cláusula em seu contrato permitia a liberação para times da Séries A e B. Ele será apresentado nesta quarta-feira e deve estrear no próximo sábado, no duelo contra o Boa Esporte, no lugar de Giovanni Augusto, que será desfalque.

Revelado pelo Vitória, o meia de 22 anos tem passagens por Portuguesa, América-MG e Atlético Sorocaba. O jogador vinha sendo um dos principais destaques do Águia durante a Série C do Brasileiro. Na competição, vinha jogando mais adiantado e marcou dois gols.

O ABC é o lanterna da Série B com apenas 20 pontos, cinco a menos que o Atlético-GO, primeiro time fora da degola

FARRA: com mais de 3200 comissionados, Senado tem mais indicados do que servidores

A farra dos apadrinhados políticos corre solta pelos corredores do Senado Federal. Os 3.228 comissionados são maioria, ante os 3.037 funcionários de carreira. Segundo o Portal da Transparência, neste ano, a Casa admitiu 588 pessoas para ocuparem esse tipo de posto de confiança, o que corresponde exatamente ao dobro do número de nomeados desde o último concurso público, feito em março de 2012: 294 servidores — em 2013, apenas dois tomaram posse.

As admissões políticas acontecem a despeito do anúncio de redução de gastos, feito pelo presidente Renan Calheiros, por meio do congelamento de nomeações e, inclusive, do corte das contratações de confiança. “É, no mínimo, questionável que o Senado esteja aplicando a política de austeridade para seleções públicas e, ao mesmo tempo, nomeando quem lhe interessa para ocupar cargos comissionados”, diz o subprocurador-geral da República Francisco dos Santos Sobrinho, membro da 1ª Câmara de Coordenação e Revisão do Ministério Público Federal, que trata de denúncias de concursos.

Além disso, esses funcionários terceirizados não custam barato. Apesar de a média salarial de um comissionado ser menor que a de um servidor efetivo — R$ 6,5 mil ante R$ 24,9 mil, respectivamente —, um apadrinhado pode chegar a receber R$ 17,1 mil, segundo a tabela divulgada pela Casa legislativa no Portal da Transparência. Assim, a despesa mensal com esse tipo de trabalhador ultrapassa os R$ 20 milhões.

Aconteceu em Natal: empresário sai com amigos para comemorar negócio, chama garotas de programa e descobre que uma é sua filha

Parece até coisa de filme, mas não é brincadeira. O blog tomou conhecimento que na terça-feira passada, dia 17, um empresário de 50 e poucos anos fechou um grande negócio imobiliário em Natal (RN), e resolveu comemorar com dois amigos em um motel, onde solicitaram os serviços de três garotas de programa.

Pois bem. Após minutos de espera e ansiedade, as três belas mulheres chegaram ao local. Contudo, para a surpresa do empresário, um banho de água fria: uma delas, de 21 anos, era simplesmente a sua filha! Após o flagra duplo, muitos insultos e o escândalo concretizado, os dois saíram do local sem farra e sem a gratificação.

Projeto Adote o Verde é retomado e busca aumentar número de adoções

Natal já foi conhecida como uma das capitais mais verdes do Brasil. Entretanto, com o tempo esse ‘título’ foi ficando para trás. Criado em 2009, o projeto Adote o Verde, com base no decreto nº 8.699 de 14 de abril daquele ano, propõe o incentivo à adoção de áreas verdes – como canteiros e praças – que não fossem de Preservação Ambiental (APA), por pessoas físicas ou jurídicas. O projeto passou um tempo esquecido, mas agora, a intenção da Prefeitura do Natal é que ele retorne com força total.

Desde o primeiro ano, mais de 100 processos de adoções foram finalizados. O adotante deve prioritariamente fazer a manutenção do local, colocando em prática o projeto de paisagismo proposto e, para cooperar, a Prefeitura do Natal promove a limpeza aérea e terrestre. A aérea se restringe à poda da árvore, trabalho que deve ser feito exclusivamente pela Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur), enquanto a terrestre diz respeito ao lixo.

A procura pelo serviço teve uma diminuição desde a sua criação, em 2009. Naquele ano, 52 adoções foram feitas, caindo para 23 no ano seguinte, sete em 2011, e nenhuma em 2012. Porém, antes mesmo do fim de 2013 a quantidade de procura já foi maior do que todos os anos anteriores. Das 85 solicitações feitas, 65 processos já foram concluídos. Mesmo que o projeto não preveja a isenção de impostos, a procura se manteve acelerada.

Muito do aumento na procura se deve ao fato de que, neste ano, representantes do projeto visitaram algumas entidades para apresentar do que se tratava o projeto. “Saímos catando adotante”, disse a coordenadora do Adote o Verde, Niene Alvares.

Dentro da proposta de adoção deve conter o projeto com informações incluindo o tipo de árvore que será plantada no local. Caso o adotante prefira, será disponibilizado um projeto feito pela própria prefeitura. Um profissional vai até o local do ponto solicitado e promove uma averiguação das necessidades e do estado do equipamento público.

Já com o canteiro sendo cuidado, o adotante tem o direito da instalação de uma placa destacando quem é o responsável por aquele ponto, inclusive uma empresa, se for o caso. Esta placa deve ter o tamanho de 90cm x 50cm. Para Niene Alvares, o principal ponto de interesse é a promoção da educação e preservação ambiental. “O objetivo principal do projeto é a manutenção do verde”, completou.

O canteiro da avenida Rodrigues Alves com a rua Maxaranguape, no Tirol, já tem um adotante. Lúcia Aragão cuida do espaço há quase dois anos e boa parte deste período fez de forma ‘extraoficial’. Seu canteiro já tinha sido adotado por outra pessoa, entretanto, este adotante desistiu de manter o trabalho no local, deixando as plantas morrerem. Neste mesmo período, a senhora passava por um processo de quimioterapia, o que estava afetando a sua autoestima. Foi quando ela recebeu o conselho do médico para fazer algo que lhe desse prazer. Assim, teve início a relação com o canteiro. Movida pelo sentimento de cuidado, ela passou a tomar conta do ponto. “A coisa que eu mais amo na terra – tirando Deus – são as plantas”, disse.

Lúcia revela que o projeto foi desenvolvido por ela mesma, incluindo os caminhos para as travessias de pedestres. Todo esse sentimento reverberou em sua vida na forma de melhorias. “O cuidado que eu tive com as flores, recebi em dobro delas”, revelou.

A adotante apenas lamenta a falta de apoio da Prefeitura em algumas dificuldades encontradas. Lúcia diz que no canteiro cuidado por ela tem vendedor de sanduíches que coloca cadeiras e suja o local. Ela diz que já procurou a Semsur para falar sobre o caso, mas nada foi feito. “Todos os dias quem rega sou eu. E não delego essa ação a ninguém. Eu mesmo faço e tenho o maior fazer em fazer”, afirmou.

Wilma de Faria: Garibaldi não precisa ter mágoa de mim, pois eu também já perdi uma pra ele

A vice-prefeita de Natal, Wilma de Faria, presidente estadual do PSB, abriu as portas para uma possível aliança do seu partido com o PMDB, do ministro da Previdência Garibaldi Alves Filho e do deputado federal Henrique Alves, presidente da Câmara.

Segundo a ex-governadora, não há motivos para “mágoas” entre as duas legendas, já que cada um já conseguiu derrotar o outro pelo menos uma vez.
Wilma fez referência ao fato de ter saído vitoriosa da campanha de 2006 para o governo, quando venceu uma acirrada disputa com o então favorito Garibaldi Filho, e também relembrou o pleito de 2010. Neste último foi a ex-governadora que saiu derrotada, quando tentou ingressar no Senado.

“Eu acho que não tem mágoa, porque se for por isso, ele também já me venceu”, respondeu ao ser questionada sobre a declaração do ministro Garibaldi, de que não guardava nenhum sentimento negativo da ex-adversária. “Não é para ter mágoa, nós temos que pensar é no futuro do RN. Temos que discutir o projeto para o RN, fazer diagnóstico da situação vexatória que temos passado, é um momento difícil. São muitas notícias negativas. Nós sentimos o povo com um sofrimento muito grande pelos serviços que não estão funcionando. É muito preocupante”, disse.

Wilma enfatizou que o PMDB esteve como principal aliado do governo Rosalba Ciarlini (DEM) até pouco tempo, mas já está na oposição. “E nós aplaudimos a saída do partido do governo. Inclusive abrimos as portas para dialogar e estamos dispostos a isso. Não há nada definido, as coisas precisam caminhar de acordo com o tempo”.

Sobre o pleito de 2014, a vice-prefeita, voltou a demonstrar interesse em uma candidatura a deputada federal em 2014. Mas, dessa vez, acrescentou que a executiva nacional do seu partido analisa o cenário político local, onde seu nome continua sendo bem avaliado pela população, conforme mostrado pelas últimas pesquisas de intenção de voto.

“Estamos colocando para o nosso partido, em nível nacional, o que ocorre no RN, que o nosso nome continua bem avaliado. Não adianta esconder isso. Temos que analisar a realidade, sem omitir nenhum fato. E, hoje, há na opinião pública e em todos os segmentos da sociedade, um sentimento querendo minha presença em uma disputa majoritária”, disse a ex-governadora durante entrevista concedida hoje pela manhã na rádio 96 FM.

Segundo a ex-gestora, desde o início das discussões em torno do cenário de 2014, seu objetivo foi participar da disputa proporcional, em busca de um mandato na Câmara Federal. “Inclusive para fortalecer ainda mais o partido, aumentar nosso tempo de televisão, ampliar o fundo partidário”, acrescentou.

Na análise de Wilma, seu bom desempenho nas pesquisas é resultado da comparação feita do atual governo com sua administração. Para a pessebista, nos anos em que esteve no comando do Rio Grande do Norte, foram realizadas obras de infraestrutura e de serviços, além de vários programas voltados principalmente para a área da zona rural. “A população tem saudade do programa de desenvolvimento solidário, por exemplo, do programa do leite que está quase acabado. São coisas que hoje não funcionam, ou estão em atividade de forma muito precária”, enfatizou.

Wilma também foi questionada sobre a possibilidade de voltar a uma disputa de senadora no próximo ano. Mas, segundo a ex-governadora, é preciso analisar o quadro sob o aspecto da formalização de alianças partidárias. “É fundamental que a gente se fortaleça”.

Compromisso com Natal
A ex-governadora Wilma de Faria também voltou a afirmar que não acredita em uma candidatura do prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT) em 2014. Para a ex-gestora, o pedetista vai “continuar trabalhando por Natal e já disse que não seria candidato”. Wilma explicou que o gestor precisa manter conversas com os demais personagens da política local pela sua posição de presidente do PDT.

“Carlos Eduardo tem compromisso com a cidade, é um bom gestor, está mostrando isso agora. Teremos um momento mais complicado com as obras de mobilidade, com um trânsito já caótico, mas tudo para termos uma cidade melhor. Eu acredito no compromisso que ele tem com a cidade do Natal”, disse Wilma.

Prevista para dezembro, entrega de reforma da Maternidade Leide Morais pode ser antecipada

Mesmo ainda em obras, o cenário da Maternidade Professor Leide Morais, localizada no bairro de Nossa Senhora da Apresentação, na zona Norte de Natal, já é bem diferente de meses anteriores. Cerca de 70% do piso já foi trocado, as paredes mofadas já estão sendo tratadas e a reforma da parte central da cobertura já foi concluída. O atendimento na Maternidade foi suspenso desde o dia 13 de junho para a reforma da cobertura e a troca do piso, danificados por infiltrações e alagamentos causados pelas chuvas. Algumas salas da unidade estavam com parte do teto comprometido, com risco de desabar. Devido aos inúmeros problemas apresentados pela Maternidade, o número de leito em utilização caiu. Dos 35 leitos, apenas 13 estavam sendo utilizados.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), a reforma da Maternidade Leide Morais está adiantada. O diretor de infraestrutura da pasta, Leonardo Rodrigues, afirmou que o prazo para o término das obras é dezembro, porém, no final de outubro parte do prédio pode ser entregue, o que proporciona o retorno dos atendimentos.

“Por enquanto estamos no cronograma e trabalhamos com a expectativa de entregar em dezembro ou até mesmo diminuir o prazo pra outubro”, garantiu Leonardo Rodrigues. As obras de reforma da Leide Morais estão sendo executadas pela Faço Construções, empresa ganhadora da licitação. O custo é de aproximadamente R$ 500 mil, mas pode chegar a R$ 800 mil. A SMS, segundo Cipriano Maia, também vai adquirir novos equipamentos e uma nova mobília para a maternidade.

A unidade está interditada desde 13 de junho por não ter condições de promover atendimento às pacientes. A estrutura era tomada pelo mofo e os problemas de infiltração eram visíveis. A reestruturação começou a ser feita em julho. Por isso, hoje o mofo deu lugar à poeira dos materiais de construção e as paredes ganham aos poucos cara nova com as pinturas recentes. Quase todo o prédio conta com um novo piso e a cobertura está no processo final de substituição. Segundo Leonardo Rodrigues, a estrutura já está no processo de acabamento.

Falta trocar o piso apenas da área de Pronto Atendimento, onde funcionam os setores de mamografia, ultrassonografia, sala de vacina, farmácia, almoxarifado e duas enfermarias, além do centro cirúrgico, que requer um piso especial. A cobertura falta completar apenas a parte externa. A expectativa é que até o início de outubro esse trabalho seja concluído. O funcionário da Maternidade, João Santos, conta que as chuvas que caíram nos últimos dias foi um teste, pois a área em que a cobertura foi feita não houve infiltrações.

Em algumas enfermarias, o gesso rachou ou caiu por causa das infiltrações e também precisará ser trocado. “Onde as infiltrações comprometeram o gesso, esse será trocado e colocado um nosso gesso”, disse João Santos. Pelo menos, quatro salas estavam interditas por problemas no gesso.

A Maternidade Leide Morais enfrentou problemas logo no começo das atividades. Inaugurada no dia 23 de dezembro de 2008, a unidade ficou sem energia elétrica nos primeiros meses por causa de problemas com os geradores. A administração da maternidade também assumiu que havia deficiências de recursos humanos, principalmente na área de pediatra-neonatologia e anestesistas.

Problemas estruturais também eram recorrentes na unidade. Menos de um ano depois de ser aberta, a maternidade já apresentava os mesmos problemas que apresenta até o mês de junho: infiltrações e alagamentos. Em junho de 2009, o teto da cozinha cedeu. Em 11 de dezembro de 2011, a unidade teve que suspender o atendimento por falta de água. Para racionar a pouca água que ainda restava, os profissionais tiveram que limitar até o uso do banheiro. Além de paralisações por conta de problemas físicos, os trabalhadores paralisaram os serviços diversas vezes.

Em dezembro de 2011, os funcionários do hospital deflagraram greve pelo atraso no pagamento das gratificações. Após 10 meses, houve nova paralisação. Na época, outras maternidades da rede municipal também paralisaram.

Torneio de Futebol da Semana do Servidor está com inscrições abertas

A Semana do Servidor este ano será realizada entre os dias 25 e 29 de outubro e dentro da programação não poderia ficar de fora o já tradicional torneio de futebol, que acontecerá no campo de futebol do Centro Administrativo nos dias 24, 25 e 29 de outubro.As inscrições para o campeonato estarão abertas até o próximo dia 27 de setembro. Será necessária ainda a participação de representantes das equipes em reunião marcada para o dia 9 de outubro, às 9h no auditório da Secretaria de Administração, onde será definida a forma de disputa do torneio e o número de equipes participantes.

Os representantes das equipes deverão entregar a lista contendo os nomes dos atletas juntamente com cópias da RG com foto, documento que comprove a situação do servidor público efetivo, estagiário ou terceirizado até as 15h00, do dia 16 de outubro, para garantir a participação de todos no certame.
O regulamento e a ficha de inscrição para o torneio estão disponíveis nos sites da Secretaria de Administração e da Escola de GoveRNo.

Dona da Vivo amplia fatia na Telecom Italia; TIM poderá ser vendida

O grupo espanhol Telefônica fechou um acordo para aumentar sua fatia na Telco, holding que controla a Telecom Italia, na Europa. A Telecom Italia é dona da TIM Participações no Brasil. Já a Telefônica é dona da Vivo.

Com isso, a dona da Vivo tornaria-se indiretamente a sócia majoritária da TIM. As duas empresas são concorrentes diretas no país: a Vivo possui 28,7% do mercado de telefonia celular no Brasil e a Tim, 27,2%.
Procurada pela reportagem do UOL, a TIM informou que não vai se pronunciar sobre o assunto. A Telefonica Vivo informou, por meio de sua assessoria de imprensa, que a Telefônica do Brasil não tem nenhuma interferência nos negócios da TIM.

Uma possibilidade é que a Telecom Italia venda a TIM Participações no Brasil.
Segundo fontes ouvidas pela Bloomberg, a Telefonica pressiona pela venda da TIM no médio prazo. O aumento da participação da Telefônica na Telecom Italia, segundo o jornal Financial Times, “abre caminho para uma potencial venda de suas operações no Brasil”.

Alguns analistas ouvidos pela agência de notícias Reuters também acreditam que a Telefônica poderá pressionar a venda e desmembramento da TIM, o que fortaleceria a sua posição no Brasil.
Negócio precisa ser aprovado pelo Cade e Anatel
O negócio deve ser avaliado por autoridades brasileiras, como o Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) e a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações). Pelas regras do setor de telecomunicações no Brasil, um mesmo grupo não pode ter duas empresas que atuam em telefonia celular numa mesma região.

Há o desafio de manter a qualidade dos serviços prestados no Brasil, disse à agência de notícias Reuters uma fonte da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Em 2007, quando a Telefônica passou a integrar o consórcio Telco, controlador da Telecom Italia, o negócio foi aprovado pela Anatel sob a condição de que a Telefônica não interferisse no controle da TIM Brasil. Agora, a Telefônica terá que convencer à Anatel que nada mudou, e que continua não tendo influência sobre a TIM Brasil, segundo o presidente da consultoria Teleco, Eduardo Tude.

Telecom Italia enfrenta dificuldades
A Telco detém 22,4% da Telecom Italia. O acordo foi fechado pela Telefônica com os demais investidores na Telco: os bancos italianos Mediobanca e Intesa Sanpaolo, e a seguradora Generali.

A Telefônica já era a maior acionista da Telco, com uma participação de 46%, e deve passar a 66%, num primeiro momento, via um aumento de capital de 324 milhões de euros direcionado a pagar dívida da empresa, disseram os sócios da Telco em comunicado.

Em uma segunda fase, a Telefônica planeja elevar sua participação na Telco para 70%, equivalente a quase 16% da Telecom Italia, por meio de um segundo aumento de capital. Mais adiante, a empresa poderá comprar o restante da participação de todos os sócios da Telco.

Os direitos de voto detidos pela Telefónica na Telco continuarão os mesmos inicialmente e poderão ser ampliados para 64,9% a partir de janeiro de 2014 se o acordo receber aprovações de autoridades em mercados importantes como Brasil e Argentina.

Pelo acordo, as ações da Telecom Italia foram avaliadas em 1,09 euro, quase o dobro do atual preço de mercado. Em 2007, os acionistas da Telco pagaram 2,8 euros por cada ação. Os papéis da companhia valem agora 0,59 euro.

Com o novo acordo, a Telefônica fortalece sua influência sobre uma importante rival na América do Sul, e permite aos sócios italianos saírem de um investimento não lucrativo, pondo fim a meses de especulações sobre o futuro da companhia italiana.

A Telecom Italia enfrenta dificuldades para crescer devido à sua dívida de 29 bilhões de euros e à profunda retração econômica do mercado italiano.

Potigás atinge a marca de 6 mil consumidores residenciais

Segurança, comodidade e economia são alguns benefícios para quem opta pela utilização do gás natural canalizado, um combustível ambientalmente correto. Com a ascensão do segmento residencial, a Companhia Potiguar de Gás (Potigás) atingiu, neste mês de setembro, a marca de seis mil clientes deste segmento. A expectativa é de que este número seja ampliado para 10 mil famílias atendidas até o final de 2013.
 
De acordo com Antônio Carrilho, Diretor Técnico e Comercial, a Companhia investiu neste ano cerca de R$ 6,5 milhões em modernização e ampliação nas suas redes de distribuição do gás natural. “Hoje a Potigás está presente em mais de 24 bairros da capital potiguar como: Morro Branco, Lagoa Nova, Petrópolis, Ribeira, Capim Macio, San Vale, Tirol, Ponta Negra, Areia Preta, Santa Catarina, dentre outros. Além de atender a Grande Natal e Mossoró”.

Nas residências, o gás natural pode ser usado em fogões, fornos, churrasqueiras, cooktop e ainda no aquecimento de água para chuveiros, piscinas, banheiras, torneiras e saunas. “A Potigás realiza todos os projetos e obras de infraestrutura de acordo com as normas técnicas vigentes no Brasil, bem como utiliza novas tecnologias em construção, montagem, operação, manutenção, medição e monitoramento de seus clientes e rede de distribuição do gás natural”, explica Carrilho.

Comércio e serviços voltam a registrar aumento de novas vagas formais de emprego no RN

A abertura de novas lojas em Natal – notadamente na expansão do Natal Shopping – e algumas contratações em Parnamirim (também graças à abertura de algumas novas lojas na cidade, algumas já ocorridas e outras previstas para outubro mas que já fizeram contratações) foram as principais responsáveis pela retomada do ritmo de contratações no setor de Comércio e Serviços do Rio Grande do Norte em agosto. De acordo com os dados do Caged, do Ministério do Trabalho e Emprego, o setor representado pela Fecomércio emplacou 1.592 vagas a mais este ano, sendo 702 no Comércio e 895 nos Serviços.

Já quando são comparados o acumulado nos dois anos, enquanto de janeiro a agosto de 2012, o setor de Comércio e Serviços emplacou um saldo positivo de 7.447 novas vagas, este ano foram 5.648.

 “Foram movimentos pontuais, mas um bom começo para o período de alta nas contratações, previsto para agora, a partir de setembro. Diante destes números, podemos dizer que há uma boa chnce de repetirmos ou até superarmos um pouco o volume de novas vagas que o setor de Comércio e Serviços emplacou em 2012, quando nosso saldo foi de 11.621 novos postos ”, afirma o presidente da Fecomércio RN, Marcelo Queiroz.

O presidente da Fecomércio lembra que somente em contratações temporárias deverão ser cerca de 6 mil vagas abertas no comércio até dezembro.

O saldo positivo do setor de Comércio e Serviços em agosto foi o melhor do ano de 2013 até agora, superando os 1.054 empregos registrados como saldo em março.

Das 1.592 novas vagas registradas em agosto, 778 foram geradas em Natal, sendo 290 no Comércio e 488 nos Serviços. Em Parnamirim, foram 103 novas vagas no Comércio e 29 nos Serviços.

Donos de terrenos improdutivos no Distrito Industrial de São Gonçalo serão intimados

A T&A Pré-Fabricados, empresa cearense do ramo da construção civil, passa por uma situação inusitada. Segundo seus representantes, a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico do Rio Grande do Norte (Sedec/RN), através do secretário adjunto, Sílvio Torquato, estaria anunciando a doação de um terreno da companhia a terceiros sem autorização.

A grande questão é que, segundo Torquato, esse lote, assim como alguns outros localizados no Distrito Industrial de São Gonçalo do Amarante, está ferindo a legislação específica da criação do polo de desenvolvimento da indústria do Estado, que exige a produtividade plena dessas áreas, sob pena de o Estado confiscar os terrenos ociosos. “O que acontece é o seguinte, o programa de desenvolvimento da indústria no RN foi criado ainda nos anos 1980 e, em um primeiro momento, funcionava com a venda de lotes de terra a preços simbólicos para que empresas instalassem suas frentes de produção aqui. O porém é que, 30 anos depois, ainda há terrenos improdutivos no local, entre eles o que pertence à T&A, o que caracteriza simples especulação imobiliária. Isso eu não posso permitir”, afirma o secretário adjunto da Sedec.

O local em questão havia sido vendido à Marcotex Ltda., firma que atua no setor têxtil, como parte da primeira rodada de ações de incremento à atividade industrial no RN. À época, essas negociações eram viabilizadas pela Companhia do Desenvolvimento Industrial do RN (CDI), órgão que foi extinto em 1995.

Vale lembrar que todo o espólio do CDI, entre ônus e bônus, ficou sob responsabilidade de outra entidade vinculada à administração estadual, a Companhia de Processamento de Dados do RN (Datanorte), a qual, obrigatoriamente, deveria ser notificada sobre toda e qualquer negociação envolvendo cessão de terras para desenvolvimento industrial no Estado. De acordo com documentação apresentada pela T&A, a empresa adquiriu o loteamento junto à Marcotex em 1998, sendo sua proprietária legal, mas tudo isso vem sendo ignorado pela Sedec.

Segundo o presidente da Datanorte, Adalberto Pessoa, existe uma série de pendências acerca do Distrito Industrial de São Gonçalo que causam embaraços à entidade até hoje. “É um assunto muito delicado. Tem um pedaço do Distrito Industrial que foi desapropriado e a indenização sequer foi paga até hoje. Tudo que diz respeito àquela área é muito complexo e requer uma atenção especial”, aponta.

Sílvio Torquato explica que, na realidade, a questão é de competência exclusiva da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, pois todas as responsabilidades da Datanorte foram repassadas à Sedec através de ofício entregue à pasta no início desse ano. “A competência sobre todos esses assuntos é nossa.

A extinta CDI era um órgão ligado a essa secretaria, inclusive; a Datanorte havia assumido o espólio da companhia, mas nos entregou um ofício no último mês de janeiro transferindo totalmente as responsabilidades sobre a administração das terras do Distrito Industrial para a Sedec”, detalha.

“Quanto ao terreno da T&A, não estamos discutindo o mérito da propriedade. Se eles o adquiriram junto à Marcotex, são, de fato, os legítimos donos, ainda que fosse de bom tom ter comunicado à Secretaria sobre a negociação, quando foi feita. O que está em pauta aqui é o fato de que, independente de quem seja o dono daqueles lotes, eles fazem parte do Distrito Industrial e têm de se submeter à legislação específica que rege aquela iniciativa. Por conta disso, estamos enviando intimações aos donos de áreas improdutivas nos próximos dias, para que as devidas providências sejam tomadas; eles terão um prazo para iniciar a implantação das indústrias. Caso a determinação seja descumprida, os terrenos voltam para o Estado, assim como já aconteceu com alguns lotes no Distrito Industrial de Macaíba”, salienta Sílvio Torquato.

O adjunto contou que até mesmo uma casa de shows foi construída nos terrenos destinados ao desenvolvimento industrial do RN. Segundo ele, o proprietário também será notificado e o empreendimento deverá ser retirado do local. (CL)

Sesap realiza simpósio alusivo ao Dia de Controle da Hanseníase

O Programa Estadual de Controle da Hanseníase, da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), irá realizar no dia 30 de setembro, data em que se comemora o Dia Estadual de Controle da Hanseníase, um simpósio sobre a doença, reunindo profissionais da saúde das Unidades Regionais da Saúde Pública (Ursaps).

Segundo o responsável pelo Programa Estadual de Controle da Hanseníase da Sesap, Paulo Roberto da Nóbrega Costa, o simpósio, que será sediado no Hotel Praiamar, em Ponta Negra, será realizado em parceria com o Hospital Giselda Trigueiro, referência em doenças infecto-contagiosas da rede de hospitais da Sesap, com o Hospital Universitário Onofre Lopes e com o Centro Universitário do Rio Grande do Norte (UNI-RN).

A hanseníase é uma doença infectocontagiosa, de evolução lenta, que se manifesta principalmente através de sinais e sintomas dermatoneurológicos, tais como: lesões na pele e nos nervos periféricos, principalmente nos olhos, mãos e pés. A doença acomete homens e mulheres de qualquer idade e pode causar deformidades físicas que devem ser evitadas com o diagnóstico precoce e o tratamento imediato. O tempo entre o contágio e o aparecimento dos sintomas é longo, e pode variar de dois até mais de 10 anos.

No Rio Grande do Norte (RN), no ano de 2010, 260 pessoas foram diagnosticadas com a doença, contabilizando um coeficiente de detecção de 8,21 por 100 mil habitantes no mesmo ano. Em 2013, até o mês de agosto, já foram diagnosticados 104 casos em todo o estado.

De acordo com Paulo Roberto, “a doença é transmitida por meio das vias respiratórias, por tosse ou espirro, não sendo passada através de contatos físicos, e pode causar deformidades físicas, que podem ser evitadas por meio do diagnóstico precoce e tratamento imediato. O tratamento da hanseníase é feito nos serviços de saúde, podendo ser curada num período de 06 a 12 meses, quando feito de forma adequada”.

Os principais sintomas do agravo são: uma ou mais manchas esbranquiçadas ou avermelhadas em qualquer parte do corpo, com diminuição ou perda da sensibilidade ao calor, à dor e ao tato; caroços e inchaços no corpo; engrossamento do nervo que passa pelo cotovelo, ocasionando a perda da sensibilidade e/ou diminuição da força do 5º dedo; dor, sensação de choque e fisgadas ao longo dos nervos dos braços, mãos, pernas e pés; áreas com diminuição dos pelos e do suor.

Santacruzenses Lideram o 2° Moto Cross de São Vicente RN


Nesse último domingo dia 22 em São Vicente RN os jovens Santacruzenses trazem as premiações da Categoria Força Livre no 1° Lugar : Nilton Júnior 2° Lugar: Marcelino Dantas 3° Lugar: João Carlos, parabéns a todos.


Via Blog do Rodolfo Rodrigues

Santa Cruz vence mais uma partida na Copa da Amizade de Futebol Sub 17


Santa Cruz vence mais uma partida na Copa da Amizade de Futebol Sub 17

A Seleção de Santa Cruz venceu mais uma partida na Copa da Amizade Sub 17. Jogando neste sábado (21), no estádio Pepetão, em São Bento do Trairi, o time santa-cruzense goleou o time local pelo placar de 5 x 1. Os gols do Santa Cruz foram marcados por Veto (duas vezes), Alisson Neném, Ricardinho e Bruninho. Formiga descontou para o São Bento.

Essa foi a segunda partida do Santa Cruz na competição e a segunda goleada pois, anteriormente, os garotos da terra de Santa Rita já haviam goleado a representação de Campo Redondo por 5 x 0. O Santa Cruz lidera o grupo B com seis pontos em dois jogos. O próximo compromisso será contra a seleção de São Paulo do Potengi, no Estádio Iberezão.

O Seleção de Santa Cruz foi montada e recebe todo o apoio da Prefeitura de Santa Cruz, através da Diretoria Municipal de Santa Cruz. O objetivo desse trabalho é incentivar a prática do esporte e evitar que jovens do município fiquem ociosos e mais vulneráveis ao mundo da criminalidade.


 Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal de Santa Cruz

Prefeitura de Santa Cruz promove Semana Municipal da Pessoa Idosa

Prefeitura de Santa Cruz promove Semana Municipal da Pessoa Idosa

Envelhecer no Século XXI: Conquistas e desafios para viver com qualidade. Este é o tema da Semana Municipal da Pessoa Idosa que será realizada pela Prefeitura de Santa Cruz, através da Secretaria Municipal de Assistência Social, no período de 23 a 27 de setembro.

A programação da semana consta de discussões sobre a formação de cuidadores de idosos para o mercado de trabalho, palestras que abordarão temas como higiene bucal e doenças crônico-degenerativas, atividades sócio-educativas, apresentações culturais e confraternização.

A Semana Municipal da Pessoa Idosa tem com parceiros o Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) e a Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi (FACISA), campus da UFRN.

Programação

23/09 (segunda-feira)
Abertura nas Rádios – Mesa Redonda
“Reflexão sobre a formação de cuidadores de idosos para o mercado de trabalho”
9h – Rádio Santa Cruz AM
16h – Rádio Comunitária Santa Rita

24/09 (terça-feira)
Painel Temático: “Doenças Crônico-Degenerativos: desafios para o século XXI
Local: FACISA
Horário: 14h

Palestra sobre higiene bucal
Local: Centro de Convivência para Idosos (Paraíso)
Horário: 14h30

Forró da Melhor Idade
Local: Centro de Convivência para Idosos (Paraíso)
Horário: 15h

26/09 (quinta-feira)
Intercâmbio Municipal dos Centros de Idosos.
Municípios participantes: Campo Redondo, Caraúbas, Japi, São Bento do Trairi, Serra Caiada e Sitio Novo
Local: Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vinculos João de Dula, a partir das 8h

27/09 (sexta-feira)
Confraternização
Local: Clube Juvenal Pé-de-Copa
Horário: 7h30




Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal de Santa Cruz